Prótese Transtibial c/ válvula de expulsão

Prótese Transtibial c/ válvula de expulsão

Ocorre secção dos ossos tíbia e fíbula (entre o tornozelo e o joelho), podendo ser classificada em três níveis de acordo com o comprimento do coto: terço proximal (curto), medial e distal (longo). A permanência do joelho facilita muito a reabilitação e deambulação desses pacientes. De um modo geral, esse nível de amputação é comum entre os idosos devido a problemas vasculares e entre jovens devido a acidentes.

Neste nível é conta-indicada a descarga de peso distal, porém o contato total entre a região distal do coto e o cartucho deve ser realizado. Cuidados devem ser tomados com as deformidades em flexão de joelho para não comprometer a qualidade da marcha do amputado. Diferentes tipos de suspensão podem ser utilizados nas próteses, como por exemplo, suspensão supracondiliana, coxal, por silicon liner ou a vácuo (Harmony®)11. A escolha dependerá da avaliação específica de cada paciente. É importante após avaliação individualizada, prescrever componentes compatíveis com o peso e grau de atividade de cada amputado. Destaque deve ser dado aos pés mecânicos com laminas em carbono com movimentos multiaxiais.

A conexão entre o joelho e o pé é feita através de diferentes tipos de adaptadores. O revestimento cosmético em espuma recebe um acabamento individualizado, dando um aspecto mais natural à prótese.

Código: C.O/TT-EX - Marca: CENTRO ORTOPÉDICO

O sistema de Válvula de Expulsão é um sistema de expulsão de ar, ou seja, todo ar que se apresentar na parte interna do encaixe é expelido para fora por uma válvula introduzida na parte externa do mesmo. O Liner modela-se junto ao coto graças ao sistema a vácuo proporcionando sempre um bem estar ao seu usuário. Este liner pode ser em silicon gel ou em poliuretano.

É indicado para cotos sensíveis, com enxertos de pele, cicatrizes e saliências ósseas.

Dicas Centro Ortopédico

Para uma boa protetização, é necessário uma análise técnica de um profissional especializado.